segunda-feira, 10 de abril de 2006

Pit stop forçado

Hoje não fui à escola. Embora tenha dormido no chão, com os pés sobre a cama, a dor nas costas não me abandonou. Ao invés de ir à escola e não conseguir dar aulas como gosto, preferi ficar em casa e... Sim, tive que fazer um "pit stop" forçado... No entanto, não descansei. Acabei preparando provas para a próxima semana. Assim passei toda a manhã.
Como eu havia acordado um pouco cedo, a fome começou a incomodar-me lá pelas 10h30min. Então eu enchi um prato (já me disseram que como o suficiente para ser "servente de pedreiro"...) e fui para a sala, assistir ao Batman e, depois, ao Superman.
Na parte da tarde, tive que sair para pagar algumas contas. Bom, pelo menos eu tentei, já que houveram alguns imprevistos: (a) Não consegui sacar todo o dinheiro que precisava; (b) a fila na loteria, onde iria pagar algumas contas, estava dobrando a esquina; (c) todos os caixas eletrônicos na Caixa Econômica Federal estavam fora do ar...
Só para dar um toque de refino neste quadro caótico e finalizar com chave de ouro, perdi a duplicata para pagar uma conta que a Débora pediu... Ah, tem ainda o fato de que minha casa continua às moscas, sem nenhum pedreiro trabalhando por lá...
Bom, pelo menos eu consegui digitar este post antes que algum pico de energia apagasse tudo o que eu escrevi...

Nenhum comentário: